Luta para controlar exposição ao benzeno segue na pauta - Marcos Martins

Luta para controlar exposição ao benzeno segue na pauta

 

O deputado estadual Marcos Martins é autor do PL 247/2015, que regulamenta o abastecimento de veículos em postos de combustíveis no estado de São Paulo. O projeto, que proíbe o abastecimento dos tanques de combustível após o acionamento da trava da bomba, minimizando a evaporação do benzeno, foi aprovado pelos deputados na Assembleia Legislativa (Alesp), mas vetado pelo governador.

No final de março, Martins encabeçou uma reunião na Alesp com especialistas de diversas áreas, afim de reverter o veto do governador e, desta maneira, preservar a vida da população paulista. Participaram da reunião a Dra. Fernanda Giannasi, Engenheira de Segurança no Trabalho e Auditora Fiscal do Ministério do Trabalho; o Dr. Danilo Fernandes Costa, Auditor Fiscal do Trabalho, Especialista em Medicina do Trabalho; a Pesquisadora da Fundacentro, Dra. Arline Arcuri; e a Dra. Simone Alves dos Santos, Diretora Técnica da Divisão de Vigilância Sanitária de Saúde do Trabalhador da Secretaria Estadual de Saúde.

Durante o encontro, os presentes entenderam a necessidade de sensibilizar parlamentares e o Palácio dos Bandeirantes sobre os malefícios do benzeno e as formas possíveis de prevenir a população sobre esses males. Em 21/3, durante reunião da Comissão de Saúde da Alesp, o parlamentar apresentou um requerimento convidando a Diretora Técnica da Divisão Vigilância Sanitária do Trabalho, Dra. Simone Alves dos Santos, para expor o trabalho desenvolvido por sua equipe na prevenção à exposição ao benzeno.

“O convite feito à Divisão de Vigilância Sanitária do Trabalho busca esclarecer os malefícios do benzeno à saúde da população e é fundamental para a conscientização dos deputados integrantes desta Comissão” declarou Martins.