Em busca de transformações sociais e comunitárias, campanha da Fraternidade 2017 tem início em todo o país - Marcos Martins

Em busca de transformações sociais e comunitárias, campanha da Fraternidade 2017 tem início em todo o país

Como acontece todos os anos desde sua primeira edição, a Campanha da Fraternidade teve início na Quarta-feira de Cinzas e deve durar o ano todo. Coordenada pela Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), a Campanha é marcada pelo empenho da comunidade e de ações pastorais em favor da solidariedade e fraternidade, sempre abordando temas atuais, que a cada ano propõe uma transformação social e comunitária, seja ela em desafios sociais, econômicos, culturais e até mesmo religiosos.
Com o tema: “Fraternidade: biomas brasileiros e defesa da vida” e o lema “Cultivar e guardar a criação” (Gn 2.15), a campanha, que irá debater nacionalmente mais um tema extremamente atual e importante, conta com o apoio do mandato do deputado estadual Marcos Martins. Desta forma, o evento busca a promoção e conscientização sobre a importância do respeito ao próximo e a preservação do meio ambiente.
Embora seja promovida pela CNBB, a campanha é ecumênica e conta com a Coleta da Solidariedade, realizada sempre no Domingo de Ramos. Todo o dinheiro que é arrecadado nas missas desse dia é dividido entre o Fundo Diocesano de Solidariedade (FDS) e o Fundo Nacional de Solidariedade (FNS).

Como acontece todos os anos desde sua primeira edição, a Campanha da Fraternidade teve início na Quarta-feira de Cinzas e deve durar o ano todo. Coordenada pela Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), a Campanha é marcada pelo empenho da comunidade e de ações pastorais em favor da solidariedade e fraternidade, sempre abordando temas atuais, que a cada ano propõe uma transformação social e comunitária, seja ela em desafios sociais, econômicos, culturais e até mesmo religiosos.

Com o tema “Fraternidade: biomas brasileiros e defesa da vida” e o lema “Cultivar e guardar a criação” (Gn 2.15), a Campanha, que irá debater nacionalmente mais um tema extremamente atual e importante, conta com o apoio do mandato do deputado estadual Marcos Martins. Desta forma, o evento busca a promoção e conscientização sobre a importância do respeito ao próximo e a preservação do meio ambiente.

Embora seja promovida pela CNBB, a campanha é ecumênica e conta com a Coleta da Solidariedade, realizada sempre no Domingo de Ramos. Todo o dinheiro que é arrecadado nas missas desse dia é dividido entre o Fundo Diocesano de Solidariedade (FDS) e o Fundo Nacional de Solidariedade (FNS).